26 de março de 2015

Melhor aos 40




Foi fácil chegar aos 40 anos, difícil é olhar no espelho e me ver com 20 anos, sou jovem, uma mulher ainda cheia de sonhos, pensamentos, desejos, algumas certezas e muitas incertezas. Não perdi meu tempo lamentando por nada, vivo cada dia novo, como um jovem espirito que ainda  não viveu o suficiente. Há dentro do meu ser, um desejo enorme de correr, de jamais ficar parada, uma necessidade difícil de ser saciada em conquistar e planejar. Acho que tudo isso me deixa viva, ativa e mais feliz.

Nunca lamentei pelo que não fiz, seria hipócrita, porque minhas escolhas me trouxeram até aqui, me fizeram ser que eu sou. lamento algumas vezes, o que disse, e de diversas formas ter magoados pessoas queridas. Mas aos 40, muitas feridas já foram fechadas, apreendemos a nos perdoar, e a seguir em frente. Sempre fui muito vaidosa, com certeza esse é o meu pecado capital, cuido do meu corpo da mesma forma que cuido do meu espirito, com zelo e carinho, afinal, ele é uma maquina, e foi me confiada para levar adiante uma alma a realizar suas tarefas e viver essa vida.
Aos 18 anos, meus sonhos eram diferentes, o casamento e principalmente a maternidade me mudaram, é com certeza um linear de duas mulheres diferentes. Amo minhas filhas todos os dias, e tenho certeza que para sempre, mesmo quando não mais for a mãe, existem laços na vida indissolúveis.


Como toda mulher nessa fase, fiz um check-up, marquei dermatologista, e me olho no espelho mais vezes, tomo mais vitaminas e não dispenso o protetor solar. As questões hormonais fazem parte dos meus atuais interesses, sei que vou precisar mais deles daqui pra frente. A maternidade pra mim é assunto resolvido, apesar de muitas vezes ficar apaixonada por um bebezinho, o meu tempo já passou, admiro minhas amigas que estão começando agora aos 40.

Estou na fase da loba, ou melhor esperando por ela. Já ouvi e li vários artigos tratando da liberdade que conquistamos com os 40, de como o sexo fica melhor e principalmente o líbido.  Quando somos jovens, levamos tudo muito a sério, sofremos por problemas bobos, ocupamos nosso tempo a pensar em crescer em ter 21. E agora olhando para minhas filhas e suas amigas, me recordo das dúvidas, das ciladas, das discussões e tudo mais que aos 18, foi importante.

Se você ainda não chegou aos 40 relaxa, aproveita esses momentos, também será um enorme prazer chegar lá. Nunca pense que a vida está mais perto do final, para nós está só começando, os filhos logo saíram de casa, e teremos que recomeçar um novo relacionamento com o seu conhecido companheiro, apreender a viver novamente como um casal. Dormir com a porta aberta, pegar um cinema na madrugada e ficar um pouco mais no barzinho.

Alguns acreditam que os homens ficam mais charmosos aos 40, com todo aquele cabelo grisalho, mas a mulher tem o seu glamour, não me troco por muitas de 20, minha geração ficou livre do fast food e das baladas. Apreendemos  a nos valorizar, a respeitar os limites do nosso corpo, a cuidar da alma.

Me sinto livre, segura, abandonei o medo aos 18. Hoje darei inicio ao uma nova fase, estou curiosa para ver o que a  vida me reserva. Afinal tenho um mundo de possibilidades pela frente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário